Chuva!

Finalmente! A tão ansiada chuva chegou. Depois de um mês de Março a lembrar Junho ou mesmo Julho (não são invulgares dias de Julho mais frescos do que chegaram a estar alguns no final de Fevereiro!), o Abril não fugiu à tradição: “Abril, águas mil”.

Ainda que uma imagem não seja suficiente para nos trazer todas as sensações que a presença no local suscita, aqui vão algumas, ainda não do Cabeço Santo, mas de um pequeno bosque de carvalhos na vizinhança de Belazaima. Uma antevisão do que poderemos ver em algumas áreas do Cabeço Santo dentro de 10 ou 15 anos!

Depois de uma chuvada!

Depois de uma chuvada!

Frescura do bosque após a chuva

Frescura do bosque após a chuva

Flores de carvalho

Flores de carvalho

 

Violeta

Violeta

 

 

 

 

 

 

 

Viúvas - 1

Viúvas - 1

Viúvas - 2

Viúvas - 2

 
Flor não identificada

Flor não identificada

Paulo Domingues

Anúncios

1 Response so far »

  1. 1

    JM Ferreira said,

    Acabei de chegar. A primeira coisa a ser feita, foi visitar este sítio. É preciso muito tempo para ver tudo… mas o que é certo é que estou na disposição de ver mais.
    Não há mais palavras para tão importante trabalho.


Comment RSS · TrackBack URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: